Estamos online!

Por que o BBB é uma máquina de atrair anunciantes?

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Por Felipe Alvim
Publicado em 13/05/2021

 

O Big Brother Brasil de 2021 chegou ao fim no dia 04 de maio com Juliette Freire como campeã. Uma edição que proporcionou recordes de rejeição nas votações, paredões apertados, sucesso de audiência e também de faturamento.

Em novembro de 2020, antes mesmo da estréia da edição que foi em janeiro, o reality já acumulava mais de R$ 400 milhões em patrocínio. A procura foi tão grande que provocou uma fila de anunciantes buscando ter sua marca dentro do programa. Estima-se que o faturamento com publicidade do Big Brother Brasil em 2021 foi de R$ 530 milhões.

O Big Brother é o nosso Superbowl (evento esportivo de maior audiência na TV americana) com marcas fazendo fila para aparecer nem que seja alguns segundos no programa. E com toda a repercussão gerada, o reality aproveitou para abrir espaço para mais marcas e mais ações de marketing.

O programa final do BBB21 exibido no último dia 04, em suas 2 horas de duração, teve 6 blocos comerciais e 63 inserções publicitárias de 50 marcas diferentes. Com altos índices de audiência, as marcas que mais apareceram foram AliExpress, Amazon e Itaú, mesmo não sendo os patrocinadores do reality.

Outras marcas como Brahma, Britânia, Natura, Vivo, Tim, Magazine Luiza e TikTok também aproveitaram da audiência do programa para anunciar na grande final do BBB 21.

Essa edição rendeu recordes de audiência e um fenômeno de Ibope, como na desistência de Lucas Penteado e na eliminação de Karol Conká, que gerou até um intervalo extra que foi exibido devido a alta demanda de anunciantes. A procura do mercado publicitário foi tanta que até outros programas da grade da Rede Globo sentiram o impacto, como no programa Mais Você, de Ana Maria Braga, que apresentava pautas ligadas ao BBB21 e com isso mais filas de anunciantes.

Quanto custa anunciar no BBB?

As principais marcas dessa 21ª edição tiveram que desembolsar entre R$ 59 milhões e R$ 79 milhões cada. Avon, Lojas Americanas e PicPay investiram na cota Big, de R$ 79 milhões e foram as que mais apareceram nos conteúdos envolvendo o BBB. Amstel, C&A, McDonald’s, Seara e P&G investiram na segunda opção, a cota Anjo, de R$ 59 milhões cada.

Além dessas duas cotas, outras opções foram colocadas à venda pela Globo. Em momentos específicos vimos marcas como Above, Coca Cola, Fiat, IFood, Organnact e Samsung, que investiram milhões para aparecerem nas provas de líder e anjo, no cinema e almoço do líder e nas festas da edição.

Já um comercial de 30 segundos durante o BBB custou R$ 508 mil, segundo a tabela de preços da Globo de Abril.

Empresas que fornecem produtos licenciados também tem uma ampla visibilidade, como no caso da Gocase, que bancaram as malas e mochilas dos confinados nas ultimas edições do programa e também a Artex, que com uma linha exclusiva, foi responsável pelas roupas de cama e banho dos brothers. Ambas pagando uma cota simbólica, mas participando das divulgações e associações feitas ao programa.

Mesmo com tantas polêmicas, é vantagem anunciar no BBB?

Brigas e polêmicas são comuns no BBB e nessa 21ª edição não foi diferente. Mesmo diante de tantos riscos para a imagem de quem anuncia, vale a pena colocar tanto dinheiro no jogo?

Mesmo sem estar entre as principais cotas de patrocinadores do programa, a Samsung, que participou da última prova do líder da edição, divulgou seus novos aparelhos dobráveis e teve um retorno imediato após o produto ser rapidamente esgotado no site oficial da marca, mesmo custando a partir de R$ 8.999,00.

Apesar do salto de vendas nos produtos anunciados, as marcas ficam longe de recuperar os milhões desembolsados na atração durante sua exibição, mas apostam no reconhecimento de marca a longo prazo.

Explorar o alcance que o BBB proporciona é o objetivo dos anunciantes, que aproveitam da participação de famosos e dos conteúdos com debates relevantes no contexto atual, como machismo e racismo para vincular sua marca ao programa. A Avon esteve presente na primeira polêmica do reality onde os homens que estavam confinados imitaram gestos femininos e foram maquiados pelas mulheres da casa. Ação que abordou questões como representatividade, diversidade e gênero, e que a marca considerou positiva.

A visibilidade que o BBB, um dos programas com maior audiência da TV brasileira gera as marcas é o resultado que as empresas buscam alcançar, fator que vai além da venda em si, mas que requer planejamento, adaptação e posicionamento.

Associar sua marca a um reality é tão arriscado quanto patrocinar um atleta ou um influenciador digital. Então vale a pena o risco por um programa que para o país e gera tanta visibilidade.

O poder do público e a influência gerada pelo BBB é inquestionável, como visto nas redes sociais da vencedora do programa Juliette, que entrou no reality com 3 mil seguidores em seu Instagram e saiu da casa com 25 milhões e hoje, mesmo após o termino do programa há 9 dias, a mais nova milionário ganhou mais 4 milhões de seguidores, totalizando 29 milhões de seguidores em seu Instagram e a segunda participante mais seguida nas redes sociais em todas as 21 edições do programa. Provando a capacidade de influência que o publico promove mesmo após o termino do programa.

No primeiro trimestre desse ano só se falou de BBB, gostando ou não, todo mundo assistiu nem que seja pelas redes sociais. De acordo com a rede globo, a 21ª edição se consagra como uma das mais importantes, além do espaço publicitário importante que trouxe um grande impacto as empresas patrocinadoras, seja com aumento no numero de vendas ou uma busca maior pelas marcas nas mídias sociais.

 

Gostou deste artigo? Entre em contato com a Atitude Empresarial e conheça nossas soluções.

Veja nossos posts recentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry.

Links Rápidos

Avenida Bias Fortes, 135, sala 305, Centro, Barbacena – MG
(32) 3051-4040
(32) 9 8490-1561
vendas@atitudeempresarial.com.br